495450580893305 Acusado pela morte de pai e bebê de um ano em Colombo é preso em Curitiba

Acusado pela morte de pai e bebê de um ano em Colombo é preso em Curitiba



O terceiro acusado pela morte de Scott Hendrix Porto, de 21 anos, e do filho Felipe Hendrix Franco Porto, de 1 ano e 7 meses, foi preso no último sábado (14) em uma pensão do bairro Santa Cândida, em Curitiba. Sandro Martins Cordeiro, de 39 anos, já vinha sendo procurado e é apontado pela Polícia Civil como sendo o autor dos disparos que mataram pai e filho no dia 11 de maio em Colombo.

Segundo o delegado Erineu Sebastião Portes, a hipótese mais provável é que o crime tenha sido motivado pela guerra no tráfico de drogas de Colombo. “Ele estava no banco de passageiros e os indícios são muito fortes. Ele se reservou ao direito de falar apenas em juízo e não tinha a intenção de matar o bebê. O laudo aponta que os tiros transfixaram o pai e atingiram o filho”, comentou.

Ainda segundo o delegado, Sandro Cordeiro já estava pronto para fugir da cidade. “Fizemos várias buscas na tentativa de prender e ele sempre escapava. Desta vez conseguimos realizar a prisão”, disse. Além dele, já haviam sido presos Adilson dos Santos, 22, e Diego da Silva, de 21.

Scott tinha passagem pela polícia e foi alvo dos atiradores no momento em que estava no carro conversando com a companheira e mãe de Felipe, de 19 anos. Ela levou apenas um tiro na perna e sobreviveu. Até agora, poucas informações foram repassadas para a imprensa.

O pequeno Felipe foi atingido por um tiro fatal na cabeça. Ele chegou a ser levado para a ambulância, mas os próprios socorristas reconheceram que o gesto foi mais para tirar a criança daquela cena de revolta dos moradores, já que o menino já estava morto. Scott também morreu na hora. Ele foi atingido por vários tiros. Um carro emparelhou e dois homens teriam começado a atirar.

(Foto: Divulgação)


1/1

1/1

1/3

1/1

1/6