495450580893305 Após confusão na Tchuruu Fest, organização da festa publica nota oficial

Após confusão na Tchuruu Fest, organização da festa publica nota oficial



Um dos mais conhecidos eventos da região, a Tchurru Fest, terminou em correria e confusão na madrugada do último domingo (26), no Centro de Eventos Aníbal Khoury, em Campina Grande do Sul. Segundo informações, o tumulto teria começado na bilheteria da festa depois que os ingressos se esgotaram. Indignados, o público que aguardava do lado de fora entrou em confronto com os seguranças do local. Vidros foram quebrados e veículos no estacionamento acabaram danificados. Na confusão algumas pessoas ficaram feridas e deram entrada no setor de emergência do Hospital Angelina Caron.

Internautas entraram em contato com o Linkada News para relatar o ocorrido. “Ouvimos uma discussão na entrada entre seguranças e algumas pessoas que aguardavam para entrar. Não sabíamos do que se tratava o bate-boca, quando de repente os vidros da porta foram quebrados. Alguns estilhaços atingiram as pessoas que estavam por perto. A partir daí começou um empurra empurra e gritaria.”, disse uma internauta. Outra internauta complementou: “As pessoas que estavam lá fora começaram a brigar com as que estavam dentro. Quando vi todo mundo estava envolvido na briga também. Eu não sabia o que estava acontecendo e acabei apanhando sem querer. Foi horrível ”.

O Comando do 22º Batalhão da Polícia Militar informou ao Linkada News que recebeu pelo menos três chamados pedindo intervenção da polícia no evento. Segundo os solicitantes, uma confusão generalizada acontecia no local. A situação conseguiu ser contornada antes mesmo da chegada da PM. Diante do ocorrido, o evento precisou ser encerrado antes da apresentação da cantora Michelle Reich, última atração da noite. Os responsáveis pela confusão se evadiram do local e não foram localizados.

Em nota publicada nesta segunda-feira (27) na página do Tchuruu Futebol Clube no Facebook, a comissão organizadora lamentou o ocorrido e afirmou que o evento foi bem planejado e organizado, e considerou o episódio como um ato de vandalismo. A nota traz as seguintes informações: “(...) antes da última e principal atração do evento, indivíduos chegaram e quiseram entrar “a força” no evento, porém não havia mais ingressos disponíveis devido ao horário e também pelo fato de que a estimativa de pessoas chegou ao limite máximo planejado (em média 550 pessoas). (…) Para garantir a integridade e segurança dos frequentadores que permaneceram dentro do local do evento, os seguranças fecharam as portas e foi então que os indivíduos, em forma de “protesto”, começaram a quebrar os vidros”. A nota pode ser conferida na íntegra no link: https://www.facebook.com/tchuruufc?fref=ts


Ainda segundo a nota, algumas pessoas ficaram feridas porque os estilhaços dos vidros atingiram parte dos frequentadores do local. Segundo a nota, as vítimas tiveram ferimentos superficiais e foram prontamente atendidas pelo serviço de socorro do local. Após a publicação, vários internautas se manifestaram elogiando o evento. “Organização incrível, infelizmente a atitudes de alguns vândalos estragaram o show, mas todos sabemos o empenho e trabalho de vcs”, dizia uma das publicações. “Estava tudo muito bem organizado sim. A festa estava muito divertida, todos aproveitando muito. Qualquer festa, mesmo planejada e organizada, está suscetível ao ocorrido”, complementa.

Em contato com a Prefeitura de Campina Grande do Sul, a mesma informou que o Centro de Eventos Anibal Khoury pertence ao município e o espaço foi alugado para que o evento pudesse acontecer. Como a festa era privada, os demais procedimentos como segurança e policiamento do local eram de total responsabilidade do locatário.

(Fotos: Colaboração WhatsApp)


1/1

1/1

1/3

1/1

1/6