Criminosos furtam colégio do Terra Boa durante a madrugada



O Colégio Estadual Campo do Terra Boa, em Campina Grande do Sul, foi alvo de criminosos na madrugada desta sexta-feira (10). Pela manhã quando funcionários e professores chegaram para trabalhar se depararam com a unidade de ensino toda revirada.

Se não bastasse a bagunça de papéis e pastas espalhados pelo chão, equipamentos eletrônicos (Tvs de Led, computadores, notebooks, telefones sem fio e equipamentos de datashow) haviam sido furtados do local. Nem mesmo as câmeras de segurança instaladas no prédio foram poupadas pelos criminosos.

“Grande parte desses equipamentos foi adquirida com muito esforço, graças ao dinheiro arrecadado em nossos eventos. É muito triste chegar para trabalhar e não encontrar mais nada. Agora vamos ter que começar do zero”, lamenta a professora Karin Gonçalves em entrevista ao Linkada News.

Acredita-se que os criminosos invadiram o colégio pulando o muro. Na ação, os suspeitos arrebentaram as portas das salas de aula, da biblioteca e da secretaria onde estavam os eletrônicos. Suspeita-se que pela quantidade de objetos levados eles tenham utilizado um veículo de médio porte para transportá-los.


Segundo a professora, a sensação que prevalece é de insegurança e impotência por parte da escola. “Infelizmente não há policiamento efetivo na nossa região. Polícia e Guarda Municipal a gente só vê quando mata alguém ou se tem um roubo desse porte. A sensação é de impotência diante à criminalidade”, comenta Karin.

Mesmo com o ocorrido, o colégio vai manter a realização da tradicional Festa Junina programada para acontecer a partir das 19h deste sábado (11). “Esse evento terá um motivo a mais para ser realizado. Será através dele que vamos começar a juntar dinheiro para comprar tudo que foi roubado”, completa a professora.

Outro caso

No fim do mês de maio, dois casos parecidos foram registrados no CMEI Lucia Gueno Ferrarini, no Jardim Ceccon, em Campina Grande do Sul. Na ocasião, os criminosos também agiram durante a madrugada e reviraram a unidade de ensino, furtando do local vários aparelhos eletrônicos e também a merenda das crianças.

Pais das crianças matriculadas entraram em contato com o Linkada News denunciando o fato das duas ocorrências terem ocorrido em menos de uma semana. A promessa da prefeitura repassada aos pais foi que o CMEI passaria a contar com vigilância noturna.

(Foto: Colaboração)


1/1

1/1

1/3

1/1

1/6