495450580893305

Direção do Colégio Ivan classifica como "fator externo" agressão ao vice-diretor



Um caso de agressão que aconteceu na manhã da última segunda-feira (25) chocou a comunidade escolar do Colégio Estadual Ivan Ferreira do Amaral Filho. O vice-diretor, Marcio de Lima Bobrowc, ficou ferido gravemente após ser arremessado ao chão por um rapaz de 24 anos, que foi até a instituição e iniciou uma briga com um aluno do 8º ano. A reportagem completa sobre o caso pode ser acessada aqui.


Nesta terça-feira (26), O Linkada News entrou em contato com colégio e obteve o posicionamento oficial da direção sobre a situação. A nota diz que na ocasião, o vice-diretor do colégio, ao saber de uma briga envolvendo um dos alunos, fora das dependências da escola, foi até o local com o intuito de mediar o conflito, e na impossibilidade da intervenção, avisou que iria chamar a Polícia Militar.


O posicionamento ainda continua dizendo que o vice-diretor “neste momento, foi covardemente agredido por um dos envolvidos, o que acabou acarretando em traumas físicos, que o levaram a ser atendido pelo Samu e encaminhado ao hospital, devendo passar por cirurgia ainda nesta semana, devido à fratura na clavícula”, descreve o esclarecimento.


A direção ressaltou que as pessoas envolvidas na agressão não são alunos da instituição, sendo que esta foi motivada por fatores externos ao colégio e que o vice-diretor apenas tentou resolver o conflito pensando no bem-estar e integridade dos estudantes. Um pedido de compreensão e apoio da comunidade escolar também foi feito pela direção, que disse estar à disposição para demais esclarecimentos.


Além do posicionamento da direção escolar, a Polícia Civil de Campina Grande do Sul informou ao Linkada News que até o momento o caso continua sendo investigado e que buscas pelos suspeitos estão sendo feitas pela região. Um rapaz chamado Messilis Rodriguez Aguiar é apontado pela família do vice-diretor como o suspeito da agressão.


Segundo a filha de Bobrowc, ele continua no hospital com dores contínuas e aguarda a cirurgia na clavícula, que acontecerá, provavelmente, na próxima quinta-feira (28).


(Foto: Luis Linkada)

1/1

1/10

1/1

1/1

1/1

1/1

1/1

1/1

1/2