495450580893305 Em três dias, Guarda Municipal de Campina prende seis pessoas

Em três dias, Guarda Municipal de Campina prende seis pessoas



​A Guarda Municipal de Campina Grande do Sul realizou três prisões na última semana. A primeira, e mais inusitada, foi na madrugada de quinta-feira (15), quando os agentes prenderam em flagrante o trio que tentava furtar um boi na região do Cacaeguera. O três homens - Luiz Otávio de Oliveira Lopes, Jamil dos Santos e Odasil Reginaldo Viana - foram rendidos quando transportavam o gado em uma Kombi branca com o chassi apagado, por volta da 1h30, na Estrada do Corredor, em direção à saída do município. Luiz Otávio e Jamil são moradores de Pinhais e Odasil, de São José dos Pinhais. Eles têm idades entre 28 e 59 anos.

“Estávamos atentos depois da denúncia de crimes semelhantes nas últimas semanas, apenas esperando a oportunidade certa para agir”, conta o supervisor Cláudio Crozetta. O trio é suspeito de furtar pelo menos dez cabeças de gado na região, sempre na calada da noite. A delegacia investigará o caso. O animal foi devolvido ao dono, um homem de 49 anos.

Já na sexta-feira (16), a Guarda Municipal prendeu em flagrante Deivid Rafeel Muller, morador de Colombo, e Antonio Helington Lira, de Curitiba, de 31 e 37 anos, respectivamente. Eles tentavam passar notas falsas na sede do município. Após a denúncia de comerciantes locais, os agentes abordaram a dupla, que estava em um Chevrolet Celta vermelho, na avenida São João Batista, e a encaminharam à delegacia. Os dois vão responder pelo crime de estelionato. Um caso parecido foi denunciado no Jardim Paulista na semana anterior e também terminou com a prisão de um homem pela Guarda.

No dia seguinte, os agentes encaminharam à delegacia um homem de 22 anos. A abordagem foi feita a partir da denúncia de populares de que o rapaz transitava a pé, armado, pela Rodovia do Caqui, ameaçando as pessoas na rua. Com o rapaz foram encontradas uma arma de brinquedo e uma touca bala clava. Ele foi rendido próximo à Paróquia de Nossa Senhora da Saúde, no Araçatuba, e prestou esclarecimentos à Polícia Civil.

“Temos feito um trabalho estratégico, com foco na prevenção com presença e resposta rápida às denúncias populares. Também estamos sempre atentos às rotas de fuga, colaborando para a segurança pública e contribuindo assim para o trabalho das outras forças policiais”, avalia o inspetor Marcelo Souza. Só neste ano, a Guarda Municipal de Campina Grande do Sul registrou mais de 2 mil atendimentos.

Presença

Criada por meio da Lei Municipal nº 07/2003, a Guarda Municipal de Campina Grande do Sul conta hoje com 27 profissionais, atuando 24 horas junto à comunidade. Com foco nas ações preventivas, especialmente nos prédios públicos, os agentes também desempenham atividades integradas à fiscalização urbana e à Defesa Civil, visando à proteção da população, dos bens, serviços e instalações.

“A partir do espírito comunitário de servir e proteger, os agentes estão ao lado do cidadão campinense, atendendo-o quando necessário ou solicitado, ouvindo-o e, principalmente, auxiliando-o na resolução dos problemas comuns que afetam o dia a dia da comunidade”, destaca o coordenador de Ordem Pública, Marcos Scheremeta.

Serviço: o módulo da Guarda Municipal de Campina Grande do Sul fica na Rodovia do Caqui, nº 4943, no Araçatuba. Os telefones de contato são: 9090 e 3679-5740.

(Foto: PMCGS)


1/1

1/4

1/7

1/1

1/6

1/5