495450580893305 Fim do sonho de uma UPA 24 horas em Quatro Barras

Fim do sonho de uma UPA 24 horas em Quatro Barras


Redação com Paraná TV

Nesta semana o Paraná TV 2ª Edição mostrou que o sonho de ter uma unidade de Saúde 24 horas na cidade de Quatro Barras foi por água abaixo depois que um convênio entre as prefeituras de Quatro Barras e Campina Grande do Sul foi desfeito. A placa de sinalização na rua indica a localização da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas ao chegar lá à realidade é outra. De acordo com a matéria realizada pela equipe de reportagem do Paraná TV, o prédio está abandonado desde o ano passado. A construção que começou em 2011 foi orçada em R$ 1 milhão e quatrocentos mil. CLIQUE AQUI para ver a reportagem.

Pelo projeto, a unidade de saúde deveria conter seis consultórios médicos, ala para atendimento de urgência e emergência, sala de Raio- X e até laboratório de análises clínicas. Ainda segundo a apuração feita pelo Paraná TV, a unidade atenderia os moradores de Quatro Barras e de Campina Grande do Sul. As duas prefeituras chegaram a fazer um convênio para dividir a conta do funcionamento da UPA, já que o dinheiro para a construção do prédio veio do Governo Federal. Segundo a secretária da Saúde de Quatro Barras, Daniela Ribeiro, o projeto não foi concluído devido à desistência do município vizinho. “A gente imaginou que viria uma contrapartida do município de Campina Grande do Sul, infelizmente, eles não puderam assumir esses gastos junto com Quatro Barras e foi aonde á gente declinou e não podemos pagar a conta sozinhos, foi isso o que aconteceu”, explica Daniela.

A UPA custaria R$ 600 mil por mês para Quatro Barras, mas segundo Daniela, o município não tem condições de bancar sozinha. A prefeitura deverá parar a obra e devolver ao Ministério da Saúde o valor de mais de R$ 1 milhão. “Hoje o prédio já é do município, e já pedimos para devolver os recursos em 30 parcelas”, conclui Daniela.

Os moradores de Quatro Barras lamentam a situação e reclamam do descaso na saúde pública. Atualmente o município tem sete postos de saúde, mas nenhum, 24 horas. A reportagem da Paraná TV entrou em contato com a Prefeitura de Campina Grande do Sul, mas não quiseram falar sobre o fim da parceria com a prefeitura de Quatro Barras.

Em abril deste ano o Linkada News esteve no local e percorreu o interior do empreendimento mostrando a dimensão do abandono. Veja o vídeo abaixo:

#fimdosonhodeumaupa24horasemquatrobarras

1/1

1/1

1/3

1/1

1/6