495450580893305

Lara é alvo de investigação em caso envolvendo ambulância

Atualizado: Out 28

A Câmara Municipal de Quatro Barras concedeu a abertura da Comissão de Inquérito para investigar uma denúncia recebida pela casa de leis a respeito da concessão de servidores e de uma ambulância da Prefeitura de Quatro Barras para a participação em um evento, que aconteceu na Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha (ABQM), localizada no bairro Planta Deodoro, em Piraquara, no início de setembro.


A abertura da CI foi aprovada em votação por unanimidade, incluindo assim, até mesmo o parecer dos vereadores da base aliada ao prefeito Angelo Andreatta (Lara). A Comissão de Inquérito será composta por três pessoas, sendo o presidente e também denunciante, vereador Wagner Pertel dos Santos (Waguinho), o relator será Paulo Cesar de Lima Junior (Juninho do Posto) e o membro será o vereador Sandro Eleno Andreatta (Leno).



Caso a investigação considere como improbidade administrativa a presença de um veículo e servidores do poder público de Quatro Barras em um evento particular, os responsáveis deverão responder por este crime.


O CASO – Na época em que a denúncia veio à tona, a reportagem do Linkada News noticiou com exclusividade o assunto e entrou em contato com a Prefeitura de Quatro Barras questionando sobre quais seriam as medidas tomadas sobre o caso, mas até o momento nenhuma manifestação foi passada.


Também tentamos uma entrevista com o líder do MDB na Câmara, o vereador Sandro Eleno Andreatta (Leno), mas ele não quis se manifestar sobre o caso.


Acompanhe a fala do vereador Waguinho, durante a sessão ordinária em que a Comissão de Inquérito entrou em votação:


1/1

1/10

1/1

1/1

1/1

1/1

1/1

1/1

1/2