495450580893305
top of page
  • Foto do escritorPortal Linkada News

Modelo cívico-militar é aprovado em Quatro Barras e reprovado em colégios de Campina e Colombo

A adoção do modelo cívico-militar para o Colégio Estadual Bandeirantes, localizado em Campina Grande do Sul, foi negada por 297 dos votantes. Foram contabilizadas 452 participações, sendo 154 votos a favor e um voto nulo nesta região, desta forma a instituição terá apenas a manutenção do modelo tradicional. O processo de consulta pública começou na terça-feira (27) e foi prorrogado durante o final de semana, conforme a lei que regulamenta os colégios cívico-militares.


Em Colombo, dos cinco colégios que estavam na lista para adotar o modelo cívico-militar, até o momento, apenas em dois a mudança foi aprovada, sendo eles: Colégio Estadual Alfredo Chaves e Colégio Estadual Dom João Bosco. Foram 302 e 183 votos a favor nas duas instituições, respectivamente. Já nos Colégios Estaduais Altair da Silva (224 votos contra) e Tancredo Neves (235 votos contra), a comunidade escolar optou por manter o modelo de ensino tradicional. O resultado para o Colégio Estadual Helena Kolody ainda não foi divulgado, pois a consulta pública segue em aberto.


Foto: Divulgação/AENPR

Já em Quatro Barras, a implementação do novo modelo foi aprovada para o Colégio Estadual Elias Abrahão. Foram 338 participantes da consulta pública, entre pais/responsáveis, alunos e servidores, sendo que 223 votaram a favor e 115 contra.


Nas escolas que aprovaram a migração do modelo tradicional para o cívico-militar, a implantação do novo modelo será em fevereiro de 2021, com o início do calendário escolar.

 

Comentários


  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
bottom of page