495450580893305 Nova mudança nos horários de ônibus causa indignação de usuários das linhas Campina e Quatro Barras

Nova mudança nos horários de ônibus causa indignação de usuários das linhas Campina e Quatro Barras



A segunda-feira (15) começou complicada para os usuários que utilizam o transporte coletivo em Campina Grande do Sul e Quatro Barras. Pela manhã, muitos passageiros foram surpreendidos com as novas mudanças nos horários, que segundo eles, ocorreu sem aviso prévio.

O caso repercutiu nas redes sociais e ganhou destaque, inclusive, em uma reportagem do Paraná TV 1º edição, realizada nesta segunda-feira (15). CLIQUE AQUI para ver a reportagem. A mudança além de causar a indignação de muitos usuários, provocou filas em alguns pontos, e conseguentemente a lotação mais do que a esperada em determinados horários.

A copeira Silvia Mara Verissimus, de 46 anos, moradora de Quatro Barras, entrou em contato com o Linkada News se dizendo prejudicada com as mudanças. “Costumava pegar o ônibus às 5:40h. Agora tenho que sair mais cedo, às 5h17. Disseram que haviam informado sobre as alterações, mas só ontem peguei os horários no terminal escritos à caneta, pois não colocaram nenhum informativo nos ônibus que eu pego”, disse Silvia.

Outra usuária que sentiu na pele as alterações foi a recepcionista Jéssica Araújo, de 21 anos. Ela, que também afirma não ter sido foi informada das mudanças, imaginava que os ônibus estavam atrasados pela demora. Só quando embarcou no coletivo é que recebeu a notícia sobre as mudanças. “A linha Campina Grande do Sul/Curitiba passou a circular com intervalos entre 20 a 25 minutos, enquanto antes nesse horário era de 10 minutos. Cheguei atrasada no trabalho, e acabei levando uma advertência”, contou ela, que apanha o ônibus na Rodovia do Caqui às 7h.

Um dos integrantes do Conselho Municipal de Transportes de Campina Grande do Sul, Maikon Henry Souza, lamentou as recentes modificações ocorridas. Segundo ele, em reuniões realizadas com representantes da empresa de transportes, a mesma havia demonstrado indícios de possíveis alteranções, porém, não definiu uma data de quando isso aconteceria.

Para Souza, além do preço abusivo da passagem, quebra constante da frota e a falta de estrutura nas paradas, há uma deficiência na comunicação da empresa responsável pelo transporte com os usuários.“Dá a impressão que a viação Castelo não se importa com a opinião dos usuários. O respeito na relação entre o serviço prestado com os municípes é o mínimo que uma empresa que detém uma concessão pública deveria ter”, desabafa.

De acordo com a Comec, os horários dos ônibus voltaram ao normal na data de hoje, e os novos horários foram divulgados nos ônibus, nos terminais e nos sites da Metrocard e da Comec. Ainda sobre as mudanças, o Linkada News entrou em contato com a viação Castelo Branco e aguarda retorno.

(Fotos: Colaboração Jéssica Araújo)


1/1

1/4

1/7

1/1

1/6

1/5