495450580893305

Operação de combate à pornografia infantil prende cinco pessoas no Paraná


Cinco pessoas foram presas durante a Operação Luz na Infância 3, deflagrada na manhã de ontem, quinta-feira (22), no Paraná, nas regiões de Curitiba, Maringá, Cascavel, Mandaguari e Paranavaí e em mais 18 estados brasileiros além do Corpo de Investigações Judiciais (CIJ) do Ministério Público Fiscal da Cidade Autônoma de Buenos Aires, Argentina.

Durante a ação, as equipes procuram arquivos com conteúdos relacionados a crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes. A força-tarefa é coordenada pelo Ministério da Segurança Pública (MSP).

Os alvos foram identificados pela Diretoria de Inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Dint/Senasp/MSP), com base em elementos informativos coletados em ambientes virtuais, que apresentavam indícios suficientes de autoria e materialidade delitiva.

Esse conhecimento produzido foi repassado às Polícias Civis – em especial às delegacias de proteção à criança e ao adolescente, e repressão a crimes informáticos – que instauraram inquéritos e solicitaram aos juízes locais para expedição dos mandados de busca e apreensão.

As ações simultâneas realizadas no Brasil e na Argentina mobilizam um efetivo aproximado de 1000 policiais, sendo que no Estado do Paraná, 54 policiais civis deram apoio – servidores dos Nucrias, do Nuciber, da Delegacia do Adolescente de Curitiba, além das Subdivisões de Maringá e Cascavel e Denarc de Londrina.

No Paraná, foram cumpridos 10 mandados de busca e apreensão. Em Curitiba, os alvos, sendo três mandados de buscas, foram cumpridos nos bairros São Braz, Pinheirinho e Xaxim. Na ocasião, duas pessoas foram presas. Durante o cumprimento, as equipes apreenderam diversas mídias salvas em cd’s, câmeras fotográficas, computadores, além de vários hd’s externos.

Foram cumpridos ainda um mandado de busca em cada cidade (Cascavel, Mandaguari e Maringá) com a prisão de cada alvo. Todos os suspeitos presos durante a operação policial serão indiciados pelo crime de pedofilia. A Operação Luz na Infância 3 é uma cooperação entre a Diretoria de Inteligência da Senasp, a Polícia de Imigração e Alfândega dos EUA (US Immigration and Customs Enforcement-ICE), o Corpo de Investigações Judiciais (CIJ) do Ministério Público Fiscal da Cidade Autônoma de Buenos Aires e as Polícias Civis do Brasil para o desenvolvimento e aprimoramento da atividade de repressão à exploração sexual infantojuvenil.

(Fotos: Divulgação/Polícia Civil do Paraná)

#OperaçãoLuznaInfância #LinkadaNews #Paraná

1/1

1/10

1/1

1/1

1/1

1/1

1/1

1/1

1/2