495450580893305 Polícia de Campina prende dois suspeitos de participação de sequestro e execução de empresário

Polícia de Campina prende dois suspeitos de participação de sequestro e execução de empresário



A Polícia Civil de Campina Grande do Sul apresentou nesta segunda-feira (13) dois homens, de 53 e 33 anos, suspeitos de participação em um sequestro seguido de execução, crime registrado na tarde de sexta-feira (10) que terminou com a morte do empresário Joel do Vale de Andrade, 63 anos, e deixou uma mulher de 54 anos gravemente ferida.

Em conversa com o Linkada News, o delegado João Marcelo Renk Chagas, contou que a polícia chegou aos envolvidos por meio de informações repassadas por uma das vítimas, que aguardava socorro médico no Hospital Angelina Caron, após levar um tiro na nuca. “A mulher que sobreviveu conhecia os autores e passou as informações à equipe de investigação, que logrou êxito em efetuar a prisão do tio e sobrinho, horas depois ao crime. Eles foram presos em Colombo, no bairro Liberdade e Atuba”, disse o delegado.

Confira a conversa com o delegado abaixo:


O crime teve início no bairro Lindóia, em Curitiba, e o desfecho ocorreu no município de Campina Grande do Sul. Na ação, os suspeitos simularam um roubo à casa do empresário, em que sequestraram ele e a funcionária dele. Os envolvidos amarraram as duas vítimas e fugiram levando um veículo Nissan Frontier da família.

Ao chegar em uma estrada rural de Campina Grande do Sul, os suspeitos executaram o empresário com um tiro na cabeça, e ainda efetuaram um disparo na nuca da mulher, que em estado de choque permaneceu desacordada por alguns minutos. Ao recuperar a consciência, a vítima conseguiu pedir socorro em um pesque-pague na região. “Por questão de milímetros ela não ficou tetraplégica”, conta o delegado.

A motivação do crime, segundo apontam as investigações, foi referente a uma dívida que o empresário tinha com um dos envolvidos. “O homem de 53 anos era sócio de um autocenter na cidade de Curitiba, e o empresário estava devendo um veículo no valor de R$ 20 mil. A inadimplência desta dívida, levou os dois presos a planejarem este roubo”, relata o delegado, que afirma ainda que há um terceiro elemento envolvido no crime, e que seria o autor dos disparos.

Na casa dos suspeitos, a polícia encontrou vários objetos roubados da residência da vítima, entre eles, TV, secador e documentos pessoais. Um veículo Fiesta que foi usado na ação foi apreendido e encontra-se na delegacia da cidade.

Denúncias

Denúncias que possam levar ao terceiro autor do crime podem ser feitas pelos telefones 3605-6550.

(Foto e vídeo: Adilson Santos)


1/1

1/1

1/3

1/1

1/6