495450580893305 Polícia divulga retrato falado do assaltante que matou vendedor de churros no Jardim Nezita

Polícia divulga retrato falado do assaltante que matou vendedor de churros no Jardim Nezita



A Polícia Civil divulgou nesta semana o retrato falado do assalte que matou o vendedor de churros Felipe Rodrigues, de 24 anos, na noite da última segunda-feira (3), no bairro Jardim Nezita, em Campina Grande do Sul. A vítima foi assassinada com um tiro no rosto quando passava com o carro de trabalho pelo final da rua William Fernando Lunardon.

Conforme descrito por testemunhas, o autor teria idade próxima aos 20 anos, pele branca, barba rala, cabelos escuros e curtos. No dia do crime, o suspeito trajava jaqueta de nylon preta, calça jeans, tênis e um boné preto (este último acessório o assaltante deixou cair na cena do crime após entrar em luta corporal com a vítima).

“O assaltante pediu dinheiro à vítima que entregou uma quantia de cerca de R$ 30,00. O assaltante disse que era muito pouco e ameaçou roubar o veículo do vendedor, que reagiu entrando em luta corporal com o bandido, que acabou atirando contra ele”, disse o delegado João Marcelo Renk Chagas, em entrevista ao Linkada News na data do crime. O autor fugiu a pé.

O jovem assassinado seria morador da sede de Campina Grande do Sul e nas horas vagas trabalhava vendendo churros. Outra função exercida pela vítima era trabalhar como vigilante. No dia seguinte ao seu assassinato, na terça-feira (4) a vítima, que era pai de duas crianças, completaria 25 anos.

Qualquer informação que possa levar a polícia até o suspeito pode ser passada à delegacia do município, no telefone (41) 3676-1135.

(Foto: Divulgação Polícia Civil)


1/1

1/1

1/1

1/1

1/1

1/7

1/5

1/6