495450580893305 Polícia investiga e prende homem suspeito de jogar ex-mulher de um caminhão em Colombo

Polícia investiga e prende homem suspeito de jogar ex-mulher de um caminhão em Colombo


Um homem foi preso suspeito da morte de Camila de Carvalho, 22 anos, que caiu de um caminhão em movimento na Rodovia Antônio Gasparin, a Rodovia da Uva, em Colombo. A morte da jovem aconteceu no domingo (9). A prisão aconteceu após investigações da Polícia Civil, que apontam o rapaz como suspeito de ter jogado a mulher do caminhão depois de uma briga.

O suspeito era ex-marido da vítima e a acompanhava no momento em que tudo aconteceu. Ele contou à polícia que saiu de um bar junto com a mulher e que dentro de seu caminhão eles teriam brigado, em seguida, ela teria se jogado pela janela do veículo e acabou morrendo. Camila teve ferimentos graves na face, no pescoço e na cabeça, o que ocasionou sua morte no local da ocorrência.


Após o fato, o ex-marido abandonou o corpo e percorreu 12 quilômetros até a casa do sogro em Almirante Tamandaré, onde contou a mesma versão, e em seguida, voltou com o pai de Camila até o local. A polícia, a perícia e uma equipe do Instituto Médico-Legal (IML) de Curitiba foram acionadas para atender a situação.

O pai de Camila relatou que o suspeito tem um histórico de violência contra a jovem e que ela apanhou até de facão dele. Depois de várias agressões Camila havia se separado e tinha ido morar com os pais. O irmão de a Camila relatou que ela teria saído com uma amiga e não tem ideia de como eles teriam se encontrado nesta madrugada. Momentos antes da morte, o ex-marido postou uma foto com a mulher nas redes sociais e disse estar muito feliz com ela.

O corpo da vítima foi sepultado nesta segunda-feira (10), no Cemitério de Almirante Tamandaré. Agora, a Polícia Civil segue com as investigações sobre o caso, para esclarecer o que motivou a morte de Camila.

(Foto: João Carlos Frigério/Plantão 190)

#LinkadaNews #exmarido #preso

1/1

1/1

1/3

1/1

1/6