495450580893305 Polícia prende quadrilha envolvida em furtos e roubos a bancos em Curitiba e Região Metropolitana

Polícia prende quadrilha envolvida em furtos e roubos a bancos em Curitiba e Região Metropolitana



Quatro homens, com idades entre 18 e 35 anos, suspeitos de integrar uma quadrilha especializada em furtos e roubos a bancos, foram presos no último final de semana, no bairro Jardim São Paulo, em São José dos Pinhais. A prisão foi realizada pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) após seis meses de investigações. Com os suspeitos a polícia apreendeu diversos equipamentos utilizados para arrombar agências bancárias, bem como para realizar cortes em cofres, como serras de cortes e esmeriladeiras, além de uma maleta bloqueadora de sinais de telecomunicações. “Esse equipamento custa, em média, R$70 mil. Esta foi a segunda maleta apreendida pela equipe do Cope no Paraná”, afirma o delegado-titular da unidade, Rodrigo Brown completando que “durante a ação criminosa eles ligam o equipamento para cortar todos os sinais de telefones e do sistema de monitoramento entre o local e a central”. Os policiais chegaram até quadrilha durante investigações realizadas para apurar furtos em agências bancárias ocorridos tanto na Capital quanto na Região Metropolitana. No decorrer das diligências, a equipe recebeu informações de que pessoas envolvidas com essa prática criminosa estariam se preparando para cometer outros crimes. Diante do fato, a equipe intensificou os trabalhos de inteligência e localizou a quadrilha no momento que entravam em uma residência situada na rua Madre Tereza de Calcutá. De acordo com a polícia a quadrilha é suspeita também de quebrar a parede da agência do banco Santander da Av Joinville, em São José dos Pinhais, na madrugada do dia 30/05, deste ano. Os quatro homens foram presos em flagrante e autuados por associação criminosa e exercer atividades que interfira em telecomunicações. Ninguém reagiu a prisão. Na delegacia, eles não souberam explicar o porque estavam em posse dos materiais apreendidos com eles. Todos aguardam à disposição da Justiça.

(Fotos: Polícia Civil)


1/1

1/1

1/6

1/1

1/1