495450580893305 Transporte coletivo pode parar nesta terça-feira em Curitiba e RMC

Transporte coletivo pode parar nesta terça-feira em Curitiba e RMC



Continua aberto o indicativo de greve dos motoristas e cobradores dos ônibus de Curitiba e região metropolitana. Caso a categoria não receba os salários até o fim da tarde de hoje (segunda), os trabalhadores das linhas operadas por empresas que não pagaram vão parar na manhã desta terça-feira.

Segundo o sindicato dos motoristas e cobradores, apenas 11 empresas, das 28 empresas que operam o sistema, pagaram os salários de janeiro referentes ao mês de dezembro. De acordo com o tesoureiro do Sindicato, Rogério Campos, que também é vereador de Curitiba, a definição sobre a greve só deve acontecer no fim da noite de hoje (segunda). Os salários deveriam ter sido pagos até a última quinta-feira.

Já as empresas que operam o sistema, representadas pelo Setransp, informaram que estão com dificuldades para honrar integralmente a folha salarial, e que esse problema vem sendo discutido com os órgãos competentes desde o ano passado.

O sindicato diz, ainda, que isto é consequência da tarifa técnica que não cobre os custos de operação do sistema, e que vem fazendo todos os esforços para realizar o pagamento o mais breve possível e evitar transtornos à população.

E a Prefeitura de Curitiba afirmou, através da Urbs, que todos os pagamentos às operadoras estão em dia, e que irá pedir que elas comprovem os depósitos dos salários.


1/1

1/4

1/7

1/1

1/6

1/5