495450580893305 Tribunal Regional Eleitoral cancela mais de 250 mil títulos eleitorais no Paraná

Tribunal Regional Eleitoral cancela mais de 250 mil títulos eleitorais no Paraná


Mais de três milhões de eleitores não poderão votar nas eleições deste ano. A medida veio como resultado da confirmação sobre o cancelamento de 257.941 títulos eleitorais no Paraná feito pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), na quinta-feira (27).

O Estado é o terceiro do país com o maior número de títulos de eleitores cancelados, atrás da Bahia e de São Paulo. Segundo informações do TRE, o índice elevado ocorreu por causa do processo de cadastramento biométrico no Paraná, que chegou a 90% dos municípios. Além daqueles que simplesmente não compareceram ao recadastramento, também há pessoas que já morreram, que se mudaram ou os aqueles que já costumam não votar.

Na quarta-feira (26), houve uma votação sobre o pedido feito pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), que solicitava ao Supremo Tribunal Federal (STF) evitar o cancelamento do documento daqueles que não fizeram o cadastramento por biometria. A solicitação, no entanto, foi rejeitada pelo STF por 7 votos a 2.


Além do PSB, outros dois partidos - PT e PCdoB - também participaram da solicitação para evitar tal procedimento sobre os títulos eleitorais. As legendas afirmaram que o maior número de eleitores que não poderão votar é de cidadãos humildes que não tiveram acesso à informação para cumprir a formalidade. A maioria dos ministros acompanhou o voto proferido pelo relator, Luís Roberto Barroso.

Após essa decisão, a Justiça Eleitoral informou que cerca de 3,3 milhões de eleitores não vão votar nas eleições de outubro, porque não compareceram aos cartórios eleitorais nos municípios em que houve o recadastramento para identificação biométrica e devido a outras restrições. O PT e o PCdoB também participaram do pedido.

O ministro Luís Roberto Barroso disse que a atualização do cadastro de eleitores é necessária para manter a higidez das eleições. Ele ainda esclareceu que o TSE demonstrou dificuldades técnicas de fazer formas diferentes de votação e risco para as eleições há menos de duas semanas não poderiam ser aceitos.

ATUALIZADA

Para as pessoas que quiserem saber se estão com o título de eleitor cancelado basta acessar o site do Tribunal Superior Eleitoral e verificar a situação, além de outras pendência com a Justiça Eleitoral. A pesquisa pode ser feita com o nome ou título do eleitor.

(Foto: Portal 27)


1/1

1/4

1/7

1/1

1/6

1/5