495450580893305 "O circo terminou", dispara Sheherazade

"O circo terminou", dispara Sheherazade


Da Redação com SBT e Almanaque da TV

Odiada por uns, amada por outros. A âncora do SBT Brasil, Raquel Sheherazade, durante a apresentação do telejornal na noite desta terça-feira (8), não se conteve com a derrota da Seleção Brasileira por 7 a 1 para a Alemanha, e antes de chamar um link ao vivo direto de Belo Horizonte com o repórter Bruno Vicari, Raquel pôde ser ouvida dizendo que “o circo terminou”, provavelmente referindo-se ao Mundial.

Logo em seguida, já com a tela dividida com o repórter Bruno Vacari, a jornalista pergunta se a ausência de Neymar foi determinante para o resultado da partida. Bruno por sua vez destacou a vantagem do time alemão por sua organização. comparando a postura alemã com a "superstição" brasileira: “É algo conceitual. De um lado, o futebol alemão primando pela organização e pelo desenho tático; do outro lado, o futebol brasileiro discutindo se o Fred rasparia ou não o bigode”.

A jornalista que ficou conhecida pelo jargão “adote um bandido”, foi alvo de críticas após comentar, no dia 5 de fevereiro deste ano, a prisão de um adolescente acusado de praticar roubos e assaltos no Rio de Janeiro. O rapaz foi espancado e depois preso pelo pescoço, sem roupa, a um poste. A opinião da jornalista foi considerada por entidades de imprensa e parlamentares como incitação à violência, e desde então, Sheherazade foi proibida pela emissora, a não utilizar mais seus comentários pessoais no telejornal.

Ao final do bate-papo, Vacari compara a postura alemã com a "superstição" brasileira. “Foi sete para a organização e um para quem fica apostando em sal grosso antes do jogo”.

Confira o vídeo:

(Foto: SBT)

#sheherazade #sbtbrasil

1/1

1/4

1/7

1/1

1/6

1/5