495450580893305 Como herdeiros podem sacar o PIS de beneficiário morto?

Como herdeiros podem sacar o PIS de beneficiário morto?


A primeira fase de pagamento do saldo das cotas do PIS/Pasep para beneficiários de qualquer idade começou nesta segunda-feira para maiores de 57 anos. O pagamento será feito pela Caixa no caso de quem tem dinheiro em conta do PIS e pelo Banco do Brasil, se for saldo de Pasep.

Se o beneficiário tiver morrido, seus herdeiros podem sacar o saldo da conta do PIS. Para isso é preciso se dirigir a uma das agência da Caixa Econômica Federal munido de documento de identificação válido e um dos seguintes documentos:

Certidão ou declaração de dependentes habilitados à pensão por morte expedida pelo INSS, ou atestado fornecido pela entidade empregadora (Servidor Público) ou,

Alvara Judicial designando sucessor/ representante legal (na falta de certidão de dependentes habilitados) ou

Formal de partilha/Escritura Pública de Inventário e partilha.

A Caixa recomenda que o herdeiro leve também comprovante de inscrição PIS/Pasep na hora de fazer o saque.

Pagamento deve injetar até 39,3 bilhões de reais na economia até 29 de setembro, prazo de saque a cotistas de qualquer idade.

Veja abaixo passo a passo para consultar se possui saldo em conta do PIS 1) Primeiro é preciso saber o número do PIS ou NIS. Esse número costuma estar anotado nas últimas páginas da carteira de trabalho. Se você possui carteira antiga, a anotação pode estar lá. O número também pode ser encontrado no Cartão do Cidadão ou no extrato do seu FGTS impresso.

2) Depois de saber o número do PIS ou NIT, o cotista precisa cadastrar uma senha na internet. Para quem já tem a senha do Cartão Cidadão é preciso clicar nesta página da Caixa na internet para cadastrar a senha internet. Nesta página é preciso digitar o NIS, clicar no botão “Cadastrar Senha”, ler o contrato de prestação de serviços e selecionar a opção “Aceito”. Em seguida, informa a Senha Cidadão e a Senha Internet que deseja cadastrar.

O roteiro é diferente para quem não tem a Senha Cidadão. Nesse caso é preciso clicar nessa página e digitar o número do NIS, clicar em “Cadastrar Senha”, ler o contrato de prestação de serviços e selecionar a opção “Aceito”. Depois é preciso preencher os dados solicitados, conforme seu cadastro, e clique em “Confirmar”. Cadastre então a senha desejada e clique em “Confirmar”.

Quem tem o Cartão do Cidadão pode fazer o pré-cadastramento da senha pelo telefone 0800-726-0207 e depois finalizar em lotérica. Quem não tem o cartão precisa ir até uma agência Caixa para fazer o cadastramento.

3) Após o cadastro da senha internet, o trabalhador pode fazer a consulta. Basta entrar na página https://cotasidade.caixa.gov.br/sipab_quotas/pages/#!/home Nessa página é preciso informar CPF, PIS, NIS ou Pasep, data de nascimento, dizer se é aposentado, clicar na opção ‘não sou um robô’ e em ‘continuar’. Na página seguinte, é preciso informar a senha internet e ‘continuar.’ Em seguida, o site pede que informe um número de telefone, aceite o termo do contrato e ‘continuar’. Se possuir sado, o site informa o valor.


(Foto: Divulgação Internet)


1/1

1/1

1/3

1/1

1/6