495450580893305

Defesa Civil e Bombeiros fazem alerta de queimadas no PR


Redação com AEN

A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros do Paraná emitiram nesta quinta-feira (7), um alerta para todo o estado sobre possíveis incêndios ambientais. De acordo com as instituições, a baixa umidade do ar, associada aos ventos fortes registrados nos últimos dias em algumas cidades, podem ajudar na propagação das chamas, tanto em áreas rurais e florestas como em espaços urbanos.

Nos primeiros sete dias de agosto, o Corpo de Bombeiros registrou 257 casos de incêndios pelo estado, que atingiram uma área total de 54 hectares. O número é bem menor que o registrado no mesmo período de 2013, quando houve 829 incêndios. Porém, as instituições ainda consideram altos os dados. A Defesa Civil explica que 2013 foi um ano atípico, já que a ocorrência de neve acabou deixando a vegetação mais seca e propensa a inflamar.

A diferença nos registros se deve ao fato de que no mês de julho nevou em muitas regiões do Estado, que contribui para que a vegetação ficasse ainda mais seca. Já no mesmo período de 2014, o Estado registrou uma das maiores incidências de chuvas da sua história, que contribui no sentido oposto. “Mas nós não precisamos ter um dado como o de 2013 para trabalhar na prevenção”, explica o capitão PM Eduardo Pinheiro, da Defesa Civil do Paraná.

O IAP alerta que provocar incêndios em vegetação nativa sem a devida autorização e o conhecimento de órgãos ambientais competentes é considerado crime ambiental. Nesse caso, o dono do terreno e/ou pessoa responsável pelo manejo do fogo pode sofrer as sanções previstas na Lei de Crimes Ambientais e receber multas que variam de acordo com a área queimada. UNIDADES DE CONSERVAÇÃO – O IAP é responsável por 68 unidades de conservação em todo o Estado e para diminuir o número de ocorrências por incêndios em vegetação, os parques estaduais contam com o “Plano de Prevenção e Combate ao Fogo”. Esse plano envolve funcionários do IAP, Corpo de Bombeiros, Polícia Ambiental e iniciativa privada.

(Foto: IAP)

#iap #incêndios #paraná #defesacivil #bombeiros

1/1

1/10

1/1

1/1

1/1

1/1

1/1

1/1

1/2