495450580893305 Policial de plantão evita fuga de 38 presos da Delegacia de Campina Grande do Sul

Policial de plantão evita fuga de 38 presos da Delegacia de Campina Grande do Sul



Um policial civil que estava de plantão na delegacia de Campina Grande do Sul conseguiu evitar a fuga de 38 presos, na madrugada desta terça-feira (9). Na ação, um dos detidos acabou sendo baleado. Tudo começou depois que um barulho vindo do setor da carceragem chamou a atenção do policial.

De acordo com o delegado responsável pela unidade, Messias da Rosa, seis presos quebraram a parede que fica atrás do balcão de atendimento, e que também dá acesso à porta de saída da delegacia. Um buraco de pouco mais de 1 metro de largura foi feito pelos detentos utilizando uma porta de ferro da carceragem.


Quando o policial, que trabalha como investigador, se deparou com a movimentação de presos já fora da carceragem, ele atirou contra um deles. O disparo atingiu o ombro do detento, que foi socorrido ao Hospital Angelina Caron pelos Bombeiros.

Outros detentos, ao perceberem a ação, correram para dentro da carceragem. Equipes da Guarda Municipal, da Polícia Militar e do Cope foram chamadas para impedir que outros presos se rebelassem e fugissem.

Superlotação

Atualmente a delegacia de Campina Grande do Sul abriga 38 presos que dividem um espaço destinado para apenas oito detentos. Essa não foi a primeira vez que motins como esse acontecem na mesma unidade policial.

O delegado pretende agora pedir a transferência dos presos para o Sistema Penitenciário.

(Foto: Adilson Santos e colaboração)


1/1

1/1

1/6

1/1

1/1