495450580893305
top of page
  • Foto do escritorLinkada News

Moradores interditam rua e protestam pedindo asfalto no Palmitalzinho


Um protesto acontece na Rua Vicente Vidolin, bairro Palmitalzinho, em Quatro Barras e envolve um grupo de pessoas que solicitam o asfalto na via. A manifestação começou às 6h desta sexta-feira (26), sem previsão para acabar.

O ato bloqueou a rua, impedindo assim o tráfego de carros e pessoas que passam pela região. O motivo da ação popular se refere à implantação do asfalto no bairro. O projeto que prevê essas obras foi votado na última sessão da Câmara. Na reunião, cinco vereadores foram a favor de uma emenda criada pelo legislador Juninho do Posto (PSL). Tal medida, teoricamente, inviabiliza o projeto que traria melhorias para as comunidades do Florestal, Colônia Maria José e Palmitalzinho. A nova votação acontecerá na segunda-feira (29) no legislativo, a partir das 18h.

Após a indignação dos quatrobarrenses via redes sociais sobre o que aconteceu na sessão, Juninho do Posto publicou uma nota de esclarecimento dizendo que a “emenda não é contra o valor do empréstimo solicitado pelo prefeito, e sim da forma proposta de pagamento”. No decorrer da nota, ele também faz alguns questionamentos sobre maneiras em que a economia do município poderia ser aplicada. O texto pode ser lido na íntegra através do perfil oficial do vereador.


Apesar da nota, a revolta das pessoas que vivem na região ainda permanece. A reportagem do Linkada News entrevistou o morador Ezio Alves Pires, que também está entre o grupo de pessoas que pedem por melhoras na rua. Ele comentou que a promessa de asfalto foi feita ainda na campanha de eleição do prefeito Angelo Andreatta (Lara) e que a população aguarda por um posicionamento tanto do executivo quanto do legislativo. “A gente só quer que a promessa seja cumprida. Não estamos nos importando com uma discussão entre a prefeitura e alguns vereadores, apenas queremos uma solução”, disse o manifestante.

O prefeito do Município concedeu uma entrevista exclusiva ao Portal Linkada News e esclareceu que a prefeitura criou um projeto com linhas de crédito via Caixa Econômica Federal. “Nós enviamos à Câmara Municipal um plano de investimento, com base na condição econômica do município. Recebemos junto à Caixa a liberação para contratar uma nova operação de R$5 milhões para a melhoria da região. É o valor de empréstimo possível devido a dívidas anteriores do município e demandará 24 meses de carência para início do pagamento”, afirmou Lara.

ESCLARECIMENTO – Na semana passada, a Prefeitura de Quatro Barras publicou no site oficial do órgão um texto explicando o Projeto de Operação de Crédito que tramita no legislativo. Segundo o executivo, os “recursos irão trazer economia a curto, médio e longo prazo; trazer avanços em várias áreas e, principalmente, beneficiar desde já milhares de pessoas que moram e visitam nosso município”.

ATUALIZAÇÃO

O protesto continua e a rua segue bloqueada nesta segunda-feira (29), segundo informações levantadas pela reportagem do Linkada News com um dos manifestantes.

(Foto: Divulgação/Whatsapp)

Comments


  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
bottom of page